Comportamento, moda, fotografia, música, textos de amor e dicas. Um Blog com tudo aquilo que adoramos fazer antes de sonhar! – Por Mariana Solis

sábado, julho 31, 2010


Cuidado, buraco!



Era uma tarde não tão diferente que as outras, talvez alguns motivos para sorrir, outros para chorar, mas entre todos os motivos, não sofro hoje ou sorrio hoje pelo que aconteceu. Era mais do que necessário, um dia as minhas palavras -que foram sempre minhas- tinham que ser compartilhadas. Não no rádio ou no jornal, apenas com uma única pessoa, a qual não mereceu nada, absolutamente nada. Nenhum coração, nenhum sorriso nem mesmo uma ligação. Não mereceu nada. Mas por mais que ele não merecesse nada que viesse de mim -e de ninguém- eu tive que dizer tudo que estava sentindo, estava cansada de ser sufocada por sonhos e ilusões de que um dia daria certo. Nunca deu certo.


Ele nunca mudou para que isso acontecesse e sei que se eu esperar mais, vou passar mais e mais noites em claro para terminar em nada, de novo. E cansei de "novamentes" para ele. E então, eu disse. Não na hora certa, não como eu imaginava e não como eu desejava, mais eu precisava chegar ao fim. Se alguém não tivesse coragem de dizer o mesmo, eu tive e disse. Disse tudo, não menos que o necessário -no caso dele, ele merecia escutar todas as duras realidades pelo resto da vida- e por mais que eu tenha chorado por alguns instantes, hoje sou mais feliz assim, sem alguma ânsia para o futuro -quero viver o presente- e com alguém mais perto de amar. Não me arrependo, eu precisava falar, me orgulho pelo que fiz -nunca tive coragem de um dia mandá-lo calar a boca- e apenas disse o que era verdade, e que por mais que eu amasse -e admito que ainda amo- sei que agora sou capaz de viver com outro amor. Claro que ainda com o mesmo coração, algumas feridas e marcas do passado -digo, lições da vida- que talvez eu leve pelo resto ou até a semana que vem, nunca se sabe. Ainda há alguns buracos por aí e se ele sempre me deixou cair, o que mais desejo agora -para mim, não para ele- é que tenha alguém maduro suficiente para gritar antes de cair.

Cansei de joelhos ralados, meus band-aids para pessoas imaturas acabaram.
Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados, mas sua opinião é sempre bem-vinda! Comentários desrespeitosos ou caluniosos serão banidos.
Fique livre para enviar uma sugestão, dúvida ou crítica: entre em contato comigo.
Certifique-se, antes, se a sua dúvida já está respondida no F.A.Q. Obrigada!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...